quarta-feira, abril 18, 2007

A Acidez Verde


Abrem-se as portas do teu rico olhar, mas... nada!
Um vazio gélido abraça-me.

Aguardo, temeroso, por algo, mas... nada!

Subitamente, uma aragem cresce
E um negro furacão forma-se perante mim.
Seco de morte, ódio e desdém,
Empurra-me para longe.

Ridicularizo-me estupidamente ao tentar combatê-lo,
mas a derrota assolou todas as tentativas.

Enche-me a volatilidade de um sentimento igual
e a derrota assolou todas as tentativas de combatê-lo.

A amargura da tristeza entranha-se em mim...
Ah!, como seria bom poder entrar por essas portas
E pegar em tudo o que de maravilhoso eu sei aí haver
e remexê-lo a meu bel prazer.
Como tu me fizeste...

Vê bem que não te peço as das mãos,
Mas, se ao menos me abrisses as portas da tua boca
E as de teus ouvidos...

2 Sensações:

Blogger No Limite do Oceano sentiu...

"Vê bem que não te peço as das mãos,
Mas, se ao menos me abrisses as portas da tua boca
E as de teus ouvidos..."

Eu sei o que é querer que alguém abra a boca, não para beijar mas para me dizer algo...os ouvidos...esses terão sempre que ser as torres do meu pensamento, neles depositarei as falhas do que me magoa e assim poderei caminhar na estrada das brasas queimadas pelo frio...ao menos sobra-me a lucidez, a quem me sussurra sempre que perco a vontade de seguir em frente...

27 abril, 2007 21:14  
Blogger Firefly sentiu...

Por vezes, o turbilhão é também sentido pela outra pessoa, mas a pessoa encontra-se com medo, tal como nós, medo de não conseguir, medo... Por vezes queremos ouvir as palavras tal como a outra pessoa as quer ouvir... A boca tenta abrir-se, mas nem sempre conseguimos vislumbrar ou perceber as suas palavras, deixam de fazer sentido, porque nao sao tao explicitas quanto nós gostariamos k fossem... No entanto elas tentam dizer o melhor k podem, esperando e suplicando k a pessoa a kem se destinam as compreenda...

"Fear is only in our minds, but is taking over all the time..."
... e ninguem é excepção!

17 junho, 2007 14:22  

Enviar um comentário

<< Regressar à Nascente